InícioNotícias do mundoOtimismo nos Mercados de Títulos e Recorde de 20 Meses no S&P

Otimismo nos Mercados de Títulos e Recorde de 20 Meses no S&P

Otimismo dos Gigantes Tecnológicos em Meio aos Temores de Inflação

As ações nos Estados Unidos dispararam com base em um forte relatório de empregos, gerando otimismo. O S&P 500 atinge seu pico em 20 meses, mas a cautela persiste em relação à inflação e às ações do Fed.

Ressurgimento do Mercado nos EUA

O mercado de ações dos EUA se recuperou, impulsionando o S&P 500 para o seu máximo em 20 meses. Esse aumento seguiu um sólido relatório de empregos, que revelou mais adições de empregos do que o esperado, juntamente com melhorias surpreendentes nos salários e nas taxas de desemprego. O S&P 500 subiu 0,4%, garantindo sua maior sequência de vitórias em quatro anos. O Dow Jones Industrial Average e o índice composto Nasdaq também subiram 0,4%.

Os indicadores econômicos positivos aliviaram os temores de recessão e geraram otimismo, desencadeando um rali nas ações, especialmente em setores ligados à força econômica, como o energético, que registrou um aumento de 1,1%. No entanto, Wall Street permanece cautelosa em relação à possibilidade de a resistência do mercado de trabalho alimentar a inflação e levar o Federal Reserve a aumentar as taxas de juros, perturbando as expectativas de cortes nas taxas em 2024.

Os mercados de títulos reagiram com aumentos nos rendimentos, com o rendimento do Tesouro a 10 anos atingindo 4,22% e o rendimento a dois anos subindo para 4,72%. Esse aumento pode impactar os investimentos, especialmente aqueles dependentes de um crescimento sustentado.

Quer negociar Forex no seu computador? Que tal experimentar uma de nossas plataformas de desktop?

As ações de tecnologia enfrentaram ventos contrários devido às preocupações com a inflação e as taxas de juros, como evidenciado pela queda de 1,4% da Alphabet. Em contraste, grandes players de tecnologia como Nvidia, Apple e Microsoft mostram mais otimismo e registraram ganhos.

Mercado de Petróleo e Tendências Globais

O mercado de petróleo viu volatilidade enquanto os preços do petróleo tentavam se recuperar. O petróleo Brent atingiu US$ 75,84 por barril, e o West Texas Intermediate dos EUA se fixou em US$ 71,23. Apesar dos compromissos da OPEP+ de reduzir a produção, preocupações persistem sobre o excesso de oferta e um crescimento mais suave da demanda por combustíveis.

A China, o maior importador de petróleo, relatou pressões deflacionárias crescentes, contribuindo para as flutuações nos preços do petróleo. Incertezas econômicas globais levam os investidores a monitorar de perto as reuniões dos bancos centrais, especialmente do Federal Reserve, em busca de possíveis impactos nas taxas de juros e na demanda por petróleo.

Perspectivas do Mercado Otimismo

Olhando para frente, eventos-chave incluem dados de inflação dos EUA e a decisão de taxa de juros do Federal Reserve, gerando otimismo cauteloso com expectativas de um pouso suave e taxas mais baixas em 2024. Projeções indicam que o S&P 500 atingirá um recorde de 4.808 pontos em 2024, com um rendimento do Tesouro a 10 anos de 3,8%.

Opiniões divergentes surgem sobre a trajetória do mercado, com algumas projeções otimistas, incluindo um possível pico do S&P 500 em 5.200 pontos em 2024. O mercado antecipa um ano de transição à medida que o Federal Reserve ajusta sua política monetária.

Calendário Econômico Global

O próximo calendário econômico está repleto de eventos, como o Índice de Preços ao Produtor do Japão, a pesquisa ZEW da Alemanha, os pedidos de auxílio-desemprego do Reino Unido, o Índice de Preços ao Consumidor dos EUA, a produção industrial da zona do euro e reuniões de bancos centrais. Os traders abordam a semana com cautela, evitando grandes apostas enquanto aguardam dados e decisões cruciais que testarão o otimismo atual sobre possíveis cortes nas taxas em 2024.

Nosso blog econômico é regularmente atualizado com as informações financeiras mais recentes e dicas úteis de negociação

Registro
3,884FãsCurtir
500SeguidoresSeguir
8,633SeguidoresSeguir