back to top
InícioNotícias do mundoCortes da OPEC+ Impactarão dos EUA, Europa e Globais

Cortes da OPEC+ Impactarão dos EUA, Europa e Globais

Indicadores dos EUA e UE: Cortes de Taxa Iminentes

OPEC visa cortes de 1 milhão de barris por dia; a Europa enfrenta a inflação; indicadores dos EUA sugerem cortes da Fed em meio à incerteza do mercado. Eventos-chave preveem mudanças.

OPEC+ Estratégias de Corte de Produção

Os membros da OPEC+ estão considerando mais cortes na produção de mais de 1 milhão de barris por dia para o início do próximo ano, liderados pela extensão da Arábia Saudita de seu corte voluntário de 1 milhão de barris por dia. Os cortes atuais totalizam cerca de 5 milhões de barris por dia, impactando quase 40% da produção global de petróleo.

Conversas sugerem que a Arábia Saudita e a Rússia podem estender seus cortes até o primeiro trimestre de 2024, potencialmente removendo 1-2 milhões de barris por dia do mercado. Os futuros do petróleo Brent de referência dispararam para US$ 83,95 por barril diante das expectativas de novos cortes da OPEC+, sinalizando otimismo no mercado.

Paisagem Econômica da Europa se Adapta em Meio à Inflação

A inflação europeia caiu para 2,4% em novembro, marcando uma baixa de dois anos, principalmente devido à redução nos custos de energia.
O Banco Central Europeu (BCE) enfrenta um delicado equilíbrio: enquanto a inflação se aproxima da meta de 2%, as taxas de juros mais altas estão limitando o crescimento econômico.

A Alemanha, profundamente afetada pela crise energética e pelas interrupções no fornecimento da Rússia, registrou uma queda na inflação anual, mas luta com um déficit orçamentário significativo.

No geral, o crescimento econômico da zona do euro permanece lento, com previsões de expansão modesta no próximo ano, em meio a preocupações sobre o impacto dos aumentos das taxas e possíveis ajustes na política do BCE.

Quer negociar Forex, mas não tem confiança suficiente? Experimente participar do nosso concurso mensal de negociação demo com a chance de ganhar dinheiro real enquanto aprende!

Indicadores Econômicos dos EUA Apontam para Possíveis Cortes da Fed

A possível mudança de política do Federal Reserve foi insinuada por uma resposta morna do mercado após dados que indicam um aumento nos gastos pessoais ajustados à inflação.

No entanto, as solicitações recorrentes de benefícios de desemprego aumentaram, sugerindo um mercado de trabalho em desaceleração, o que poderia levar a cortes da Fed na primeira metade de 2024.

Os funcionários da Fed reconheceram uma inflação em declínio apesar de uma economia robusta, preparando o terreno para possíveis ajustes nas taxas.

Estagnação do S&P 500 Desperta Atenção dos Traders

O S&P 500 permaneceu em grande parte inalterado, sinalizando cautela entre os traders em meio à especulação sobre a postura da Fed em relação às taxas de juros.

Os rendimentos dos títulos subiram, com o rendimento do Tesouro a 10 anos chegando a 4,33%, indicando incerteza dos investidores sobre as ações futuras da Fed.

No mundo das criptomoedas, o Bitcoin oscilou em torno de US$ 37.668,14, enquanto o Ether se manteve em US$ 2.028,9.

Previsão de Mercado em Meio a Cortes Esperados

A expectativa envolve indicadores econômicos futuros, como o PMI Manufatura Caixin da China, o PMI Global de Manufatura S&P na Zona do Euro e os gastos com construção dos EUA, que poderiam moldar o sentimento do mercado.

Eventos notáveis, incluindo a participação do presidente da Fed, Jerome Powell, em um “bate-papo informal” e discursos de outros funcionários centrais dos bancos, são esperados para oferecer insights sobre as futuras direções da política monetária.

Continue acompanhando mais notícias importantes do mercado Forex por meio do nosso blog econômico.

Registro
3,884FãsCurtir
500SeguidoresSeguir
8,633SeguidoresSeguir